Power BI

Dataflows: a novidade do Power BI que vai transformar a maneira de analisar dados.

“Era da Informação” é como está sendo chamada a época na qual vivemos. De fato, todos os dias vemos a rápida disponibilidade de notícias e chovem artigos para problematizar o uso excessivo da tecnologia. É fácil pensar a respeito da crescente onda de dados atuais em contexto casual, assim como corporativo. Quantos arquivos com as mais diferentes informações você tem acumulados? Quantos relatórios a sua empresa gera?

Tendo isso em mente, como você pode usar a seu favor essa avalanche de dados? Como sua empresa pode aproveitar melhor a informação que você já tem?

Através de pontos de unificação de dados.É por isso que o Power BI implementou uma nova funcionalidade: o Dataflows (fluxos de dados).

Power BI Dataflows

O que é o Power BI Dataflows?

Dataflows é uma ferramenta do Power BI na qual você pode combinar os dados que você tem para maximizar o aproveitamento deles. A partir dessa combinação, você terá novos relatórios e novos dashboards que, por sua vez, possibilitarão maior controle e novos insights sobre seus dados.

Além disso, partindo do fato de que estamos em um contexto Microsoft, há uma excelente integração do Dataflows com outras ferramentas Microsoft, viabilizando a você o uso de diferentes fontes de dados.

Como usar o Dataflows?

Se a ideia da utilização do Dataflows é a praticidade, seu uso deve ser fácil e intuitivo. Com alguns cliques, você consegue escolher quais arquivos você quer combinar (aqui, a fonte de suas informações chama-se “entidade”) e gerar sua nova entidade. Dessa maneira, você unifica os seus dados e ainda os mapeia, sabendo exatamente de onde eles vêm.

Para um tutorial mais detalhado, você pode assistir a este vídeo:

Agora, vá ainda mais longe.

A criação do Dataflows dentro do Power BI é feita pelo Power Query Online (utilizando linguagem M) e o gerenciamento do Dataflows é feito no próprio Power BI, o que é extremamente simples. É bom destacar que suas fronteiras se expandem ainda mais com a integração do Power BI com o Azure.

Para que a entidade criada no Dataflows esteja atualizada de acordo com as entidades dentro dela, é preciso que você a atualize constantemente. Com o Power BI Premium, a quantidade de vezes que você pode atualizar é o sêxtuplo da quantidade de vezes do Power BI Pro (8 vezes ao dia), além de que essa ação é realizada automaticamente no Premium.

Aliás, com o Power BI Premium, você tem uma maior capacidade de armazenamento do que no Pro e tem a possibilidade de criar entidades no Dataflows a partir das outras entidades criadas. Ou seja, você unifica tais dados ao criar uma entidade, depois unifica outros dados criando outra entidade. Com o Premium, você pode criar uma entidade usando essas duas entidades.

Power BI Pro vs Power BI Premium

Quer utilizar perfeitamente o Dataflows e as outras diversas possibilidades do Power BI, gerando uma maior produtividade na sua empresa? Contate a Niteo,  parceira Gold Microsoft em Data & Analytics que desde 2005 atua com o objetivo de oferecer tecnologia e serviços para transformar dados em informações relevantes para empresas que queiram atingir níveis mais elevados de produtividade, agilidade e eficiência.

Leia mais sobre:
Post anterior
Inteligência Artificial é a tecnologia do momento. Sua empresa está preparada?
Próximo post
Microsoft Teams ou sites de equipe no SharePoint? O que usar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu