Interoperabilidade de Informação: transparência e eficiência na colaboração corporativa.

Esse filme da Microsoft traduz de forma incrível a tendência IoT (Internet of Things) – a nova dimensão de conectividade propiciada pela Internet que nos conduziu à cultura da mobilidade e nos tornou uma sociedade de humanos e coisas interligados.

Na visão de Internet das Coisas, as inovações tecnológicas logo se tornam indispensáveis aos hábitos e às atividades cotidianas das pessoas e das instituições. Por isso, além de integrar, agora é necessário que as novas tecnologias trabalhem como se fossem uma única solução.

Esse é o desafio da TI para as empresas. Passa a ser vital disponibilizar aplicações de diferentes fabricantes em diversos dispositivos para que pessoas geograficamente dispersas possam colaborar. Desse modo, a Interoperabilidade de Informação é tratada hoje como uma solução de negócio, que foca no resultado independentemente das tecnologias aplicadas.

Não existem padrões de vínculo entre os diversos produtos, fabricantes e dispositivos. São as estratégias corporativas e os recursos disponíveis que desenham o eixo tecnológico. Por exemplo:

  • uma Intranet que automatiza processos logísticos e financeiros gerados a partir de um ERP (SAP, TOTVS, etc.);
  • uma arquitetura de Self-Service BI que opera com diversas fontes não consolidadas previamente e entrega para o usuário de negócio a experiência de apenas uma origem da informação;
  • uma solução de BI que consolida dados de diferentes tecnologias (SQL, Oracle, MySQL, etc.) e exibe os dashboards em dispositivos móveis Windows, Android e IOS;
  • cadastro de colaboradores centralizado, em fluxo de trabalho integrado com múltiplas plataformas, que permite criar usuários de rede, e-mail e de sistemas internos, atribuir autorizações, lançar solicitações, etc.;
  • informações de fontes heterogêneas sendo monitoradas em tempo real em uma central única que gera alertas ou modificações do comportamento de diferentes aplicações web.

São diversos os fatores envolvidos e um desses aspectos, de grande relevância, é a computação em nuvem, onde as fontes de dados são armazenadas no mesmo nível e em cenários híbridos. Imensos volumes de dados são processados on-line e “devolvidos” para aplicações locais, onde quer que estejam.

Se você se identifica com esse cenário e precisa potencializar a interoperabilidade de informações na sua empresa, nós podemos auxiliar você a cumprir esse objetivo. A Niteo presta serviços técnicos especializados em Colaboração e Business Intelligence, soluções apontadas como essenciais para a gestão de negócios em um ecossistema colaborativo.

Veja mais informações em:
http://www.microsoft.com/brasil/windowsazure/interop
https://www.idc.com/getdoc.jsp?containerId=IDC_P24793

Post anterior
Odebrecht Previdência diferencia seu planejamento estratégico com Self-Service BI da Microsoft.
Próximo post
A importância do Visual Business Intelligence.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu